Olhar voltado para a saúde do funcionalismo municipal em SJB

Olhar voltado para a saúde do funcionalismo municipal em SJB

Projeto HiperDia em Ação percorre setores da Prefeitura aferindo pressão arterial e levando informações sobre a hipertensão.

O Programa de Hipertensão e Diabetes (HiperDia) em São João Barra, que atende hoje 11.073 pessoas cadastradas, passa a ter um olhar atento também à saúde do funcionalismo municipal a partir do projeto HiperDia em Ação.

A iniciativa consiste em visitas regulares às repartições para aferição de pressão arterial, palestras e distribuição de panfletos informativos sobre a hipertensão, suas causas, tratamento e prevenção.

Iniciado no mês de março pelo prédio da Prefeitura, onde estão instalados setores como Gabinete, Controle Interno, Procuradoria Geral, Ouvidoria e secretarias de Administração e Fazenda, a ação prossegue nos demais setores de forma permanente. O trabalho é realizado por uma equipe formada pela coordenadora do HiperDia, Cátia Assis, pela enfermeira do Programa, Rita Gesteira, e pela coordenadora da Atenção Primária em Saúde, Luziane Ambrósio.

A ideia para a implantação do HiperDia em Ação, segundo Cátia Assis, veio pelo fato de a atividade profissional, incluindo a exercida dentro de uma estrutura administrativa municipal, por muitas vezes acaba impedindo que seja dada a devida atenção a problemas que possam surgir justamente em decorrência das atribulações no dia a dia.

– É necessário ter atenção aos sinais que o próprio corpo dá. Devido ao estresse diário por ter que cumprir prazos das atividades do trabalho, os servidores podem acabar se esquecendo de aferir a pressão, de ir à consulta médica arterial e realizar exames periodicamente. Isso acaba aumentando o risco de agravos como AVC, infarto do miocárdio, entre outros – explica.

O HiperDia em Ação está inscrito na 3ª Mostra Estadual de Práticas de Saúde, realizada pelo Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Estado do Rio de Janeiro (Cosems-RJ) juntamente com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e IdeaSUS.

Entre os objetivos estão o intercâmbio de práticas municipais implementadas pelo SUS e a visibilidade na abrangência da gestão local. Serão selecionados, dia 25 de abril, no Campus da Fiocruz, trabalhos de secretarias e municipais e regiões de saúde fluminenses e São João da Barra está na disputa.

sjb24h